Projeted
Atendimento (11) 4016-4272
(11) 5704-3509
(11) 4887-3023
(11) 98982-6303
Localização Av. São Luiz, 122 - Bairro Maracanã
Jarinu – SP
Comprar Cursos

Acesso por Corda

Carga Horária

Treinamento: 48 horas

Exame: 08 horas

Data Prevista: 24/06 a 29/06

Horário: 8h as 18h30

 

Valores

Treinamento na Projeted: R$ 1.550,00

Exame: R$ 1.250,00 - Pago direto a certificadora

Total: R$ 2.800,00

 

Endereço:

Avenida São Luis, 122 – Maracanã - Jarinu/SP

 

Localização no Google Maps

https://maps.app.goo.gl/9umNM

 

*Certificação: Após cumprir obrigatoriedade da Certificadora:

http://www.aneac.com.br/certificacao-pessoas-acesso-por-corda

 

*Condições de pagamento do Treinamento na Projeted: cartão de débito, cartão de crédito, depósito.

*Indicamos: pousada, hotel ou hostel para hospedagem

 

Treinamento Nível

Teórico horas

Prático horas

1

8

32

2

8

32

3

16

32

 

NÍVEL 1:

Profissional com qualificação básica, que possui habilidades para trabalhar com segurança dentro de uma variedade de sistemas empregados em acesso por corda, sob a supervisão de um nível 2 ou nível 3.

Manobras aplicadas no treinamento:

  • Montagem do EPI
  • Verificação do equipamento
  • Nós e enrolar e guardar a corda
  • Sistema de ancoragem básico
  • Ancoragem Pequena em Y
  • Descensão – com chave de bloqueio
  • Ascensão
  • Mudanças de sentido
  • Descensão usando ascensores
  • Ascensão usando descensores
  • Passagem de nós (subir e descer)
  • Desvio (subir e descer)
  • Fracionamento (subir e descer)
  • Transferência de cordas (subir e descer)
  • Passagem de bordas (subir e descer)
  • Passagem de protetor de cordas no meio (subir e descer)
  • Progressão artificial
  • Progressão com Talabartes (demonstrar posição de trabalho)
  • Resgate descendo

 

NÍVEL 2:

Profissional com qualificação intermediária, que além das habilidades do nível 1, deve possuir habilidades necessárias para planejar e supervisionar somente trabalhos verticais simples de acesso por corda em ambientes urbanos, e trabalhos complexos sob a supervisão remota ou direta de um profissional nível 3.

O candidato certificado para o nível 2 deve ser capaz de realizar montagens de sistemas de acesso e executar resgates em trabalhos verticais simples. Em trabalhos complexos, somente sob supervisão de um profissional nível 3. Deve possuir treinamento de primeiros socorros, conhecimento de legislação, requisitos de segurança e procedimentos relativos ao acesso por corda.

Manobras aplicadas no treinamento:

  • Montagem do EPI
  • Verificação do equipamento
  • Nós e enrolar e guardar a corda
  • Sistema de ancoragem básico
  • Ancoragem Pequena em Y
  • Ancoragem Longa em Y
  • Fracionamento
  • Desvio
  • Recuperação de corda
  • Trabalho com restrição de queda
  • Montagem de linhas para movimentação horizontal e vertical
  • Tirolesa
  • Ascensão
  • Mudanças de sentido
  • Descensão usando ascensores
  • Ascensão usando descensores
  • Passagem de nós (fazendo um nó largo isolado – para cima e para baixo)
  • Desvio Fracionamento
  • Transferência de cordas
  • Passagem de bordas
  • Passagem de protetor de cordas no meio
  • Progressão artificial
  • Progressão com Talabartes
  • Resgate - Descendo
  • Resgate - Subindo
  • Progressão artificial
  • Fracionamento pequeno
  • Desvio
  • Transferência entre cordas
  • Montagem da Maca
  • Içamento básico
  • Içamento suspenso com corda extra
  • Içar e transferir a vítima

 

NÍVEL 3:

Para certificação nível 3, o candidato deve ser capaz de assumir total responsabilidade por projetos de acesso por corda, planejamento e execução de trabalhos, possuir experiência em técnicas de trabalho por acesso por corda, conhecimentos sobre análise de risco, legislação, domínio de técnicas de resgate inerente à atividade, possuir treinamento de primeiros socorros.

 

Manobras aplicadas no treinamento:

  • Montagem do EPI
  • Verificação do equipamento
  • Nós e enrolar e guardar a corda
  • Sistema de ancoragem básico
  • Ancoragem Pequena em Y
  • Ancoragem Longa em Y
  • Fracionamento
  • Desvio
  • Recuperação de corda
  • Trabalho com restrição de queda
  • Montagem de linhas para movimentação horizontal e vertical
  • Tirolesa
  • Ascensão
  • Mudanças de sentido
  • Descensão usando ascensores
  • Ascensão usando descensores
  • Passagem de nós
  • Desvio
  • Fracionamento
  • Transferência de cordas
  • Passagem de bordas
  • Passagem de protetor de cordas no meio
  • Progressão artificial
  • Progressão com Talabartes
  • Resgate descendo
  • Resgate Subindo
  • Progressão artificial
  • Fracionamento pequeno
  • Desvio
  • Transferência entre cordas
  • Montagem da Maca
  • Içamento básico
  • Içamento suspenso com corda extra
  • Resgate em Equipe
  • Resgate através de Corda Tensionada
  • Resgate em Ligação Curta
  • Resgate por Passagem de Nós
  • Resgate através da Corda Tensionada da Vítima
  • Resgate pelo Fracionamento Longo

 

CRITÉRIOS BÁSICOS QUE OS TREINANDOS DEVEM ATENDER

  • Possuir bom conhecimento das instalações;
  • Possuir boa condição física e boa saúde;
  • Ter responsabilidade legal;
  • Escolaridade conforme Tabela 4 da NAC-005.

 

DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA EXIGIDA PELA NORMA PARA O TREINANDO

  • 1 foto 3x4
  • Código de Ética assinado FRM-002;
  • Cópia do treinamento de primeiros socorros para N2 e N3;
  • Formulário de solicitação de certificação preenchido FRM-007;
  • Cópia de RG, CPF ou carteira de habilitação;
  • Cópia do ASO atualizado;
  • Comprovante de experiência profissional para N2 e N3;
  • Cópia do Certificado de treinamento;
  • Comprovante de escolaridade conforme Tabela 4 da NAC-005.

 

OBRIGATÓRIO PARA O TREINAMENTO

  • Não utilizar adornos do tipo: anéis, alianças, correntes, piercing e outros que possam enroscar;
  • Não utilizar bermuda, sandália, chinelo;
  • Dar preferência para roupas e calçados do tipo: Jeans, Algodão e Brim;
  • Cabelos compridos deverão permanecer presos;

 

EXAME DE QUALIFICAÇÃO

Exame administrado pela ANEAC que avalia o conhecimento e a capacidade do candidato em desenvolver as competências requeridas.

 

EXAME PRÁTICO

Testemunho prático documentado para avaliar a habilidade do candidato em realizar manobras práticas requeridas.

OBS.: O Centro de Treinamento não se responsabiliza, nem garante que cada participante seja aprovado no exame de certificação que será realizado pela ANEAC. Caso o candidato não seja aprovado no exame, será emitido um Certificado de participação.

 

CERTIFICAÇÃO

Confirmar que as exigências de qualificação para um determinado nível foram atendidas, resultando na emissão de um certificado emitido pelo organismo de certificação sob as condições da Norma regulamentadora.

Documento de registro de acesso por corda (DRAPC) Caderneta de registro de atividades.

 

REGULAMENTAÇÃO

Curso em conformidade das normas ABNT NBR 15475:2013 Acesso por Corda Certificação e Qualificação de Pessoas • ABNT NBR 15595 Acesso por Corda Procedimento para Aplicação do Método • PORTARIA N.º 593, DE 28 DE ABRIL DE 2014 Publicado o Anexo I – Acesso por Cordas – da Norma Regulamentadora n.º 35 – Trabalho em Altura e com a orientação objetiva nas instruções e procedimentos da ANEAC – NAC 005 – Qualificação e Certificação de profissional em Acesso Por Corda.

O CENTRO DE TREINAMENTO PROJETED trabalha de acordo com as exigências das normas vigentes.

Tire suas dúvidas

Vídeo

Imagens do curso